Com a maioria absoluta dos votos dos presentes, o vereador Pedro Bueno aprovou, em primeiro turno, o PL 393/2017 que cria a Patrulha Maria da Penha pela Guarda Civil Municipal de Belo Horizonte.

Entendendo que a segurança da mulher vítima de violência doméstica é uma obrigação do Estado e, no nosso caso, um dever da PBH, Bueno indica o uso do Botão do Pânico da Mulher como medida protetiva nos casos judiciais que exigirem uma presença mais intensiva da Guarda Civil.

Deixe seu comentário